Este será um espaço de reflexão e de partilha sobre assuntos relacionados com os temas da Segurança Interna, da Defesa Nacional e afins...
publicado por Vera Lourenço de Sousa | Domingo, 01 Março , 2015, 20:04

O Professor James Sheptyck, na sua palestra intitulada “Police science and the constabulary ethic”, organizada pela CEPOL em 2013, aborda várias questões relacionadas com a ética da atuação policial. Nesse contexto apresenta a expressão “JAPAN”, uma mnemónica que caracteriza a atuação policial.

 

Ora vejamos, a acção policial deverá ser sempre:

 

(J)ustificável. O elemento policial quando age, deverá analisar a legalidade da sua atuação;

 

(A)utorizada. A ação policial em causa tem de estar devidamente mandatada;

 

(P)roporcional. A acção tem de ser proporcional;

 

(A)uditável / (A)valiável. Cada elemento policial deverá considerar sempre que as suas ações policiais serão alvo de análise e avaliação futura;

 

(N)ecessária. A ação é necessária? Justifica-se? Convém ter a certeza disso. É o princípio da necessidade de atuação.

 

Veja aquiaquiaqui os três vídeos que constituem esta brilhante palestra.

 

 

 

 


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
links
Direitos de Autor
Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Unported.
Março 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


badge
blogs SAPO